O impacto do Covid-19 no sector imobiliário

Assim como em todos os setores e mercados na economia, o imobiliário não é exceção. O setor já sente o impacto desta pandemia e irá sentir-se por algum tempo.
Com uma prevista recessão a nível mundial, é difícil de prever quais as reais consequências nesta fase e quais as salvações possíveis de estabilização. Apesar da confiança e de um otimismo tendencioso que todos gostamos de ter, não passa por ser apenas esta a solução que assegura a melhoria no setor. O facto de manter o espírito critico de forma positiva ajuda, mas as soluções de estabilidade e de crescimento necessitarão muito mais que sentimentos e previsões futuristas.
É de reconhecer que nos últimos anos mais precisamente, o mercado imobiliário tem sido um dos grandes motores e suportes da economia nacional. A construção de novos produtos no sector e o gerado número de negócios das transações imobiliárias ajudaram e muito a nossa economia, após uma forte crise. Por isto e também, é de realçar que o estado tem de ter em conta que sem nós, os promotores e mediadores imobiliários a economia pode sofrer ainda mais impacto. Nesta situação, esperemos que o estado se apresse a tomar medidas de ajuda excecionais a todos os empresários trabalhadores no sector.
Curvas crescentes e decrescentes existem consecutivamente e vão sempre existir neste mercado, as vendas sobem e descem, umas vezes menos outras mais, é normal e cíclico. Acredito que não será por isto e que apesar de todas estas consequências, não se aproxime um embate catastrófico no sector imobiliário. As vendas já caem, alguns negócios estão a ser cancelados e suspensos, algo que vai continuar a acontecer, mas prevalece a estratégia e a resiliência das empresas. Se já era necessário nos reinventarmos diariamente ao ritmo que o setor evoluía, agora temos de nos redobrar em trabalhos de melhoria e de aproximação ao cliente e investidor.
O ponto fundamental que devemos assegurar neste momento é a saúde de todos e que ultrapassemos esta pandemia com o maior sucesso, mas em simultâneo não podemos deixar cair a nossa economia e procurar solucionar adequadamente a sustentabilidade das empresas.
A Jhomea Invest, necessariamente tem reavaliado com a máxima precisão todos os projetos de investimento previstos nos próximos anos. Apesar da tendência menos positiva que se aproxima, continua a trabalhar mais e melhor, dando seguimento aos projetos de promoção de construção nova na cidade de Aveiro, assegurando todos os serviços e a oferta aos nossos clientes.